Curiosidades

A loira do banheiro

Quase todas as crianças e adolescentes do Brasil já ouviram a lenda assustadora do fantasma da loira do banheiro. Essa tal loira realmente existiu e viveu na região do Vale do Paraíba, em São Paulo. Essa loira seria Maria Augusta, filha do visconde Franciscus D’A Oliveira Borges e da viscondessa Amélia Augusta Cazal. A família vivia em Guaratinguetá.

A loira do banheiro era uma jovem muito bonita, que foi obrigada a se casar, com apenas quatorze anos de idade, com um conselheiro do Império, Dr. Francisco Antônio Dutra Rodrigues. Maria Augusta e seu marido não se davam bem, fato que levou a jovem a fugir para a Europa. Maria Augusta viveu na França até 1891, ano em que ficou doente, quando tinha apenas 26 anos de idade. A jovem acabou morrendo de pneumonia. O transporte do corpo para o Brasil foi demorado e a família da jovem sofreu muito.

Antes de ser enterrada, Maria Augusta ainda teria ficado em visitação pública em uma urna de vidro por semanas, pois sua mãe se recusava a sepultá-la. A casa onde viveu a família de Maria Augusta é hoje a Escola Estadual Conselheiro Rodrigues Alves, de Guaratinguetá. Dizem que o espírito da jovem loira ainda é visto por lá, no banheiro da escola. Oremos e estudemos!

Professora universitária - Mestre em Administração e Blogueira nas horas vagas. Cada um tem a parte de mim que conquistou. Sou mulher, fera, amiga, bruxa e fada. Só não sou obrigada.

%d blogueiros gostam disto: